quarta-feira, 18 de fevereiro de 2015

Deixa-A ir ...

linda porca: Morrer de saudades: Toda a minha vida os vi assim, dois namorados, de mão dada na rua, de beijos na boca à despedida e à chegada, a dançarem os discos deles, e...

7 comentários:

  1. Segui o link e a LP dá um testemunho comovente, porque para ser uma boa filha com toda a certeza que a sua mãe é mãe com M grande!

    ResponderEliminar
  2. E nem preciso de seguir o link porque entretanto já tinha lido o texto e também me tocou.

    ResponderEliminar
  3. Fui até lá, li o texto.
    Poucos são os que me causam este imenso sentimento de respeito, um respeito que me rouba a capacidade de dizer o que quer que seja, a não ser um enorme obrigada.
    Obrigada por constatar que ainda há pessoas capazes de amar, de forma incondicional, os seus velhos.
    Obrigada a ti, Til, por me teres levado até lá.

    ResponderEliminar
  4. Já lá fui ler...O amor é realmente maravilhoso, em todas as suas vertentes.
    Beijinho Til e obrigada pela tua partilha :)

    ResponderEliminar
  5. Infelizmente é uma realidade que conheço!
    P.S. Explico tudinho no post anterior, shiu...

    ResponderEliminar
  6. Saudades de você PALHACITA.... P-A-L-H-A-C-I-T-A.....
    Eu preciso GRITAR aqui para você me dar notícias....?????
    Não precisa correr... não mordo não....!!!!!! Só se pedir...
    Mimalha... mimada....

    ResponderEliminar

Estás Tilt?