domingo, 1 de fevereiro de 2015

Os diferentes tipos de cagalhão produzidos,por todos os indivíduos,no acto da evacuação...incluindo as Tias de Cascais*

http://sademirandastreet.blogspot.pt/

Eis o estudo  feito pelo Senhor Legionário...

A “Linguagem da Merda”  categoriza os diferentes tipos de cagalhão que um indivíduo pode produzir no acto da evacuação. Assim, de forma a fazer renascer esta linguagem (e até, quem sabe, torná-la uma linguagem específica que mereça a cientificidade de outras áreas do saber como a linguagem do Direito, da Economia, da Medicina, etc.), levei a cabo uma pesquisa utilizando o método googleliano de que surgiu a recuperação das diferentes categorias cagalhónicas. Espero que este trabalho de investigação que produzi vos venha a ser útil.
.
Cagalhão Fantasma
Sentes sair, vês no papel mas não vês na sanita.
.
Cagalhão 'Clean'
Sentes sair, vês na sanita mas não no papel.
.
Cagalhão Eterno
Limpas, limpas, limpas... Mas fica sempre algo no papel até que decides subir as calças mas colocar papel nas cuecas para evitar as marcas de pneus.
.
Cagalhão II, 'o Regresso'
Sobes as calças, mas de repente apercebes-te que tens que cagar um pouco mais.
.
Cagalhão Enfarte
Cagalhão que te faz puxar tanto que até te aparece uma veia na testa.
.
Cagalhão Superestrutura
Tão grande, tão grande que até tens medo de o partir ao puxar o autoclismo. Sentes-te simultaneamente surpreso/a e orgulhoso/a.
.
Cagalhão 'Adorava que saísse'
Queres cagar, sentes que está próximo, mas só tens caimbras e peidos...A ponta do cagalhoto é aquela que dói tanto, tanto, tanto, que até pensas que está a sair de lado.
.
Cagalhão 'Splash'
É o que sai com tanta velocidade que molhas o cu todo.
.
Cagalhão 'Após uma festa'
É um líquido amarelo escuro que suja a sanita toda e que pica o cu.
.
Cagalhão Rabbit
São pequenas bolinhas. Umas flutuam, outras não.
.
Cagalhoto 'Surprise!!!'
Pensas que vais dar um peido mas quando dás por ela....já é tarde
.
Cagalhoto 'Time-out'
Estás a cagar divinamente num WC público, mas tens que parar porque não queres que a pessoa do lado te ouça.
.
Cagalhão O Barulhento
Tão barulhento que toda gente no WC se parte a rir.
.
Cagalhão A Mexicana
Cheira tão mal que até pica o nariz.
.
Cagalhoto Elástico
O que se recusa a cair mesmo sabendo que realmente já saiu...Esperas que abanando o rabo ele caia.
.

NOTA IMPORTANTE: Estas modalidades de merda são aplicáveis a toda e qualquer criatura humana, incluindo Tias de Cascais!

31 comentários:

  1. hahahahahahaha, um bom apanhado! fartei-me de rir

    ResponderEliminar

  2. (até me falta o ar de tanto rir)
    Um estudo bem comprovado, pelo que deverá candidatar-se ao Prémio Nobel da Ciência :)

    (até me falta o ar de tanto rir)

    ResponderEliminar
  3. ahahah só tu :)
    Tem um bom mês, beijinhos

    ResponderEliminar
  4. Tás a ver... um desenho inspirador! Ahahahh

    ResponderEliminar
  5. Pois bem Palhacita.... teu post, mesmo com assunto tão fértil... merece uma contribuição técnica:
    Tem também o Cagão Inglês. Nunca perde o horário. Sempre, religiosamente todos os dias, naquele bat-horário, o peão vai jogar o barroso na louça. Tem um sujeito que eu conheço há mais de 28 anos que se dá ao luxo de acordar às 4 horas da manhã (difícil de acreditar, mas é verdade) pra melar a porcelana.
    Há, ainda, o Cagão Clark Kent. Todo discreto, não transparece ser um poderoso cagão. Não anuncia, não peida… um verdadeiro tapado. Mas quando sai do banheiro, a fuafa acompanha o sujeito ao ponto de empestiar o lugar e provocar comentários como “porra… tá foda”, “puta que pariu, esse tá morto por dentro”.
    Devem ter outros tipos de cagões mundo à fora. Como o grande poeta anônimo, autor do grande poema inscrito na porta de um banheiro em algum lugar nesse mundo de meu Deus, conhecido por crianças, adultos e velhinhos descarados, dizia:
    “Quando cago,
    Sinto uma emoção profunda,
    A merda bate na água
    E a água bate na bunda....

    Termino:
    ”Cagar é a lei do Mundo
    Cagar é a Lei do Universo
    Cagou Dom Pedro Segundo
    Cagando fiz esse verso..."

    Palhacita...

    ResponderEliminar
  6. Ahahahaha ... não consigo parar de rir. Sempre ouvi que "o comer e o cagar quer vagar", mas pelos vistos também quer muito sentido de humor. Adorei! :D

    ResponderEliminar
  7. Olha bem que conversa de merda! Looollllll

    ResponderEliminar
  8. Já me fartei de rir com toda esta conversa de m...da!
    Só mesmo uma mente inspirada como a tua, ahahahah

    ResponderEliminar
  9. EHEHEHEHEHEH Xii, tanta merda! Acabei de ler em voz alta e os meus filhos e eu "cagamo-nos" a rir. :D:D

    ResponderEliminar
  10. AHAHAHAHAH quase que borrei de tanto rir!

    ResponderEliminar
  11. isso em bd (já vi, tenho umas imagens do dito cujo animado) é igualmente mto engraçado! E é tudo verdade... Todos o fazem, assim como todos ficamos cheios de moscas e larvas horas após a morte. É a vida. É a morte.

    ResponderEliminar
  12. Ah, gostava de acrescentar que há uns anos encontrei um blogue temático. Todo ele era sobre... cagalhões. E era ilustrado. Um verdadeiro blogue filosófico.

    ResponderEliminar
  13. Este “estudo” vai ser levado à Assembleia da República, pois paira por lá um cheiro tóxico insuportável!
    Ignora-se se o pivete corresponde a cocó mole ou cocó duro. Mas todos sabemos por experiência própria que o cheiro a m*** é cheiro a m***… e ponto final.
    Imagine-se. A trampa é tanta que até já a acondicionam nas caldeiras… Podemos antecipar, sabendo que não é novidade para aqueles que nos lêem, que a maior parte das caldeiras e seu conteúdo pertencem a todos os partidos sem excepção. É trampa que se vem acumulando há décadas e que agora, com a trampa da maioria parlamentar que sustenta o governo de Passos Coelho e de Portas desenvolveu particularidades tóxicas que estão a abananar o país inteiro. Razão pela qual os portugueses andam tão abananados que já nem sabem por que motivo…
    Acordem. Afinal a fonte de todo o pivete vem da Assembleia da República.

    Rir é bom!
    Boa semana Til, e para todos os restantes bloguistas também:))

    ResponderEliminar
  14. Ahah obrigada por tantos risos!
    Já tinha visto algo do género mas para "tipos de peidos"... xD

    ResponderEliminar
  15. Rir é bom e melhor ainda com textos inteligentes.
    Útil e sagaz, adorei !
    Beijo e boa semana.

    ResponderEliminar
  16. Uma interessantíssima dissertação acerca da matéria expelida no acto de defecar. Leitura obrigatória para todos os círculos científicos, filosóficos, artísticos e atrevo-me a dizer mesmo existenciais, da nossa sociedade.

    ResponderEliminar
  17. O que eu me ri!!

    ( E a nota final está excelente, bem inclusiva!)

    ResponderEliminar
  18. Pessoa importante chegou (Til, a dona da casa) e pessoa insignificante já saiu (Maria, dona de coisa nenhuma) é que Maria não sendo tia de Cascais e nem tia de criancinhas porque é filha única, dizia eu, Maria gosta de bons cheiros, Espaço de Til precisa de ser arejado urgentemente. Toca de abrir as janelas (ahahah).

    PS. Conheci a Cinha Jardm pessoalmente e, não, pessoalmente é muito antipática, muito tia, muito olhar as pessoas de cima e de alto a baixo. Aquil não me cheirou lá muito bem.

    ResponderEliminar
  19. Fizeste-me rir a valer .
    Ena tantos cagalhões
    Kis :>}

    ResponderEliminar
  20. Olha Til, eu não te vou perdoar pá. Nem os quilos de vaselina nos lábios todos rachados à conta da merda da isotretinoína me valeram para as gargalhadas que acabei de mandar! Estou aqui em sangue - literalmente - de tanto rir, mulher!

    ResponderEliminar
  21. Há coisas em que somos todos iguais. Há no entanto gente que se tem em tão boa conta que age como se cagasse sabonetes artesanais...

    ResponderEliminar
  22. Credo! Nunca pensei que se pudesse aprender tanta coisa útil por aqui. :D

    ResponderEliminar
  23. O que eu me ri agora só tu para me fazeres dar umas gargalhadas ;)

    ResponderEliminar
  24. Porra! Que variedade sai das nossas entranhas!

    Beijoca, Til! :)

    ResponderEliminar
  25. É que qualquer um se identifica com este post! Muito bom! ;)

    ResponderEliminar

Estás Tilt?